APRESENTAÇÃO


Sentidos. Em um mundo cada vez mais mediado pelas tecnologias móveis, pela instantaneidade e pelo compartilhamento de informações de todo tipo, em especial nos sites voltados à formação de redes sociais virtuais, os meios de comunicação parecem poder ocupar um espaço estratégico para auxiliar o público a refletir acerca dos sentidos das experiências vivenciadas ou assistidas no dia a dia.

As constatações acima citadas sensibilizam em especial um veículo midiático como a TV UFMG, núcleo de produção audiovisual do Centro de Comunicação — Cedecom da Universidade Federal de Minas Gerais — UFMG, atuante há 13 anos na divulgação do conhecimento produzido na Universidade, na formação completar dos estudantes e como um espaço para o desenvolvimento de pesquisas e experimentações. A TV UFMG é transmitida pelo Canal Universitário de Belo Horizonte (12 Net, 14 Oi TV), além das diversas mídias sociais nas quais se apresentam os conteúdos por meio da Internet.

Assim, faz-se importante repensar como a produção científica da Universidade, os interesses da comunidade acadêmica e a prestação de contas do que se passa na UFMG podem ser apresentadas de modo que os conteúdos audiovisuais e/ou telejornalísticos produzidos possam tornar-se relevantes ao público, revelando sentidos e alcançando de modo estratégico sujeitos imbricados em um cotidiano virtualizado e informatizado.

Com as mudanças na forma de receber TV (além dos aparelhos de televisão, hoje, pode-se consumir conteúdo audiovisual em outras plataformas como: celulares, tablets, computadores etc.), a produção, a circulação e as narrativas dos conteúdos também se modificaram. Por isso, neste momento, levantam-se vários questionamentos:

a) qual a importância da UFMG ter um núcleo audiovisual?;
b) como dentro de tal núcleo se constrói a TV UFMG?;
c) quais as características da TV UFMG?

Tentar responder a tais perguntas é o propósito central do presente pré-projeto.